Leitão a Pururuca Mineiro Assado no Forno

Leitão a pururuca mineiro assado no forno é um prato tradicional da culinária mineira que combina a suculência da carne de leitão com a crocância da pele pururuca.

Neste artigo, vamos ensinar como preparar essa deliciosa receita passo a passo, além de fornecer informações adicionais e dicas extras para garantir o sucesso do seu prato.

Se quiser receber receitas extras gratuitamente entre aqui

Ingredientes do Leitão a pururuca mineiro assado no forno:

1. Leitão: O leitão é o principal ingrediente dessa receita. É importante escolher um leitão de boa qualidade, de preferência com até 10 kg, para garantir a maciez e sabor da carne.

2. Sal grosso: O sal grosso é utilizado para temperar a carne do leitão, realçando seu sabor natural.

3. Alho: O alho é um ingrediente indispensável na culinária mineira. Ele é utilizado para temperar a carne e dar um sabor especial ao prato.

4. Limão: O limão é utilizado para marinar a carne do leitão, deixando-a mais macia e suculenta.

5. Pimenta-do-reino: A pimenta-do-reino é utilizada para dar um toque de sabor e leve picância ao prato.

6. Louro: A folha de louro é utilizada para aromatizar a carne durante o cozimento, deixando-a mais saborosa.

7. Vinho branco: O vinho branco é utilizado para regar a carne durante o cozimento, conferindo um sabor especial ao prato.

8. Óleo: O óleo é utilizado para untar a forma e garantir que a pele do leitão fique crocante.

9. Farinha de trigo: A farinha de trigo é utilizada para polvilhar a pele do leitão antes de assar, garantindo a formação da pururuca crocante.

10. Temperos opcionais: Além dos ingredientes mencionados acima, você pode adicionar outros temperos de sua preferência, como alecrim, tomilho, cebola, entre outros, para dar um toque especial ao seu leitão a pururuca mineiro assado no forno.

Dicas sobre os ingredientes do Leitão a pururuca mineiro assado no forno:

– Ao escolher o leitão, verifique se a carne está fresca e sem odor desagradável.
– Antes de temperar o leitão, lave-o bem com água e limão para eliminar possíveis impurezas.
– Deixe o leitão marinando por pelo menos 2 horas para que a carne absorva os temperos.
– Utilize sal grosso em quantidade suficiente para temperar toda a carne do leitão.
– Ao assar o leitão, regue-o com vinho branco de tempos em tempos para manter a carne suculenta.
– Certifique-se de que a pele do leitão esteja bem seca antes de polvilhar com farinha de trigo.

Modo de preparo do Leitão a pururuca mineiro assado no forno:

1. Lave bem o leitão com água e limão e deixe-o escorrer.
2. Em uma tigela, misture o sal grosso, alho picado, pimenta-do-reino e suco de limão.
3. Esfregue essa mistura por toda a carne do leitão, inclusive por dentro.
4. Deixe o leitão marinando na geladeira por pelo menos 2 horas.
5. Preaqueça o forno a 180°C.
6. Em uma forma grande, untada com óleo, coloque o leitão com a pele para cima.
7. Regue o leitão com vinho branco e adicione folhas de louro.
8. Cubra o leitão com papel alumínio e leve ao forno por aproximadamente 3 horas.
9. Retire o papel alumínio e polvilhe a pele do leitão com farinha de trigo.
10. Aumente a temperatura do forno para 220°C e deixe o leitão assar por mais 1 hora, ou até que a pele fique bem crocante.
11. Retire o leitão do forno e deixe descansar por alguns minutos antes de servir.

Informações adicionais e dicas extras do Leitão a pururuca mineiro assado no forno:

– O leitão a pururuca mineiro assado no forno é um prato que requer tempo de preparo, portanto, planeje-se com antecedência.
– Para garantir que a pele do leitão fique crocante, é importante que ela esteja bem seca antes de polvilhar com farinha de trigo.
– Se preferir, você pode utilizar uma marinada de vinho branco, alho, cebola e ervas aromáticas para temperar o leitão.
– Sirva o leitão a pururuca mineiro assado no forno acompanhado de arroz branco, feijão tropeiro e couve refogada, típicos da culinária mineira.

Dúvidas comuns sobre Leitão a pururuca mineiro assado no forno:

1. Posso utilizar outro tipo de carne no lugar do leitão?
R: O leitão é o tradicional para essa receita, mas você pode adaptar utilizando outros cortes de carne suína, como pernil ou lombo.

2. É necessário deixar o leitão marinando por tanto tempo?
R: Sim, o tempo de marinada é importante para que a carne absorva os temperos e fique mais saborosa.

3. Posso assar o leitão em temperatura mais alta para acelerar o processo?
R: Não é recomendado, pois o leitão precisa de tempo para assar lentamente e ficar macio.

4. É possível fazer a pururuca sem utilizar farinha de trigo?
R: A farinha de trigo é essencial para a formação da pururuca crocante, mas você pode substituí-la por farinha de mandioca ou fubá, se preferir.

5. Posso congelar o leitão a pururuca mineiro assado no forno?
R: Sim, você pode congelar as sobras do leitão, desde que armazene em recipientes adequados e consuma em até 3 meses.

Para saber mais receitas que são amadas pelos brasileiros clique aqui

Deixe um comentário